Lição 13- Inveja, a Senda da Autodestruição


"O coração com saúde é vida da carne, mas a inveja é podridão dos ossos (...) Cruel é o furor e a impetuosa ira, mas quem parará perante a inveja? Provérbios 14.30; 27.4

Texto Bíblico Básico: Salmo 73.1-10,12-14,16-18,24

O QUE É A INVEJA?


Quando usamos a palavra inveja, estamos nos referindo a ter inveja de alguém por ter algo que não temos. Esse tipo de inveja é um pecado e não é uma característica de um Cristão – isso só mostra que ainda estamos sendo controlados pelos nossos próprios desejos (1 Coríntios 3:3). Gálatas 5:26 diz: “Não sejamos cobiçosos de vanglórias, irritando-nos uns aos outros, invejando-nos uns aos outros”.

A Bíblia nos diz que devemos ter um tipo de amor tão perfeito quanto o que Deus tem por nós. “O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece. Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal” (1 Coríntios 13:4-5). O mais que nos focalizamos em nós mesmos e nos nossos próprios desejos, o menos poderemos nos focalizar em Deus. Quando endurecemos nossos corações para a verdade, não podemos nos voltar a Jesus e deixar que Ele nos cure (Mateus 13:15). No entanto, quando deixamos que o Espírito Santo nos controle, Ele vai produzir em nós o fruto da nossa salvação, que são amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança (Gálatas 5:22-23). Tiago 3:15 diz: “Mas, se tendes amarga inveja, e sentimento faccioso em vosso coração, não vos glorieis, nem mintais contra a verdade. Essa não é a sabedoria que vem do alto, mas é terrena, animal e diabólica”.

Ter inveja indica que não estamos satisfeitos com o que Deus tem nos dado. A Bíblia nos diz que devemos estar satisfeitos com o que temos, pois Deus nunca vai nos deixar ou abandonar (Hebreus 13:5). Para combater o sentimento de inveja, precisamos nos tornar mais como Jesus e menos como nós mesmos. Podemos fazer isso ao estabelecer um relacionamento pessoal com Deus. Podemos conhecê-lO mais através de estudos bíblicos, oração e de ir à igreja. À medida que aprendemos a servir a outras pessoas ao invés de nós mesmos, nossos corações começam a mudar. “Não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus” (Romanos 12:2).

A inveja não é algo sem importância. Ela está sempre ao lado de outras coisas terríveis (as tais obras da carne de que fala Gálatas 5.19-21).
A inveja não é passiva; não cruza os braços; não fica parada em momento algum. Ela é ativa, dinâmica e incontrolável. Se não for barrada na nascente, leva o invejoso automaticamente ao crime.
Não foi a inveja de Caim que provocou o primeiro assassinato da história (Gn 4.8)? O livro de Gênesis conta que “Isaque tinha tantas ovelhas e cabras, tanto gado e tantos empregados, que os filisteus acabaram ficando com inveja dele”. A inveja dos vizinhos levou-os a entupir todos os poços dos quais o patriarca se servia para matar a sede do gado e regar a lavoura (Gn 26.14-15). Foi por inveja que os irmãos de José o venderam para ser escravo no Egito (At 7.9).
A inveja surge do sentimento de incapacidasde de viver nossos proprios sonhos, de alcançar nossas metas e relizarmo-nos. Por isso, o exenmplo daqueles que realizaram algo nos faz lembrar que não fomos capazes de fazer. No entanto, a sensação de incapacidade, a matriz da inveja, deve-se à escolha inadequada de metas, como desejar algo que não está ao nosso alcance. Em geral, costumamos não valorizar as coisas que já realizaamos e assim cultivamos a sesação de desvalia sem nos darmos conta do nosso proprio valor. Neste sentido, a inveja consome o invejoso, porque o faz dar valor apenas ao que não está ao seu alcance. A inveja é um dos sentimenrtos mais difíceis de serem aceitos pelo  ser humano, pois na maioria das vezes é inconsciente. Isso ocorre porque ela se forma muito cedo em nossa vida. A inveja é um sentimento primitivo, pouco elaborado. Ela está baseada no sentimento de inferioridade, adquirido pela comparação que se faz com outra pessoa em algum aspecto específico.  Fonte: http://somostodosum.ig.com.br/artigos/espiritualidade/afinal-o-que-e-a-inveja-4605.html 

AS CAUSAS DA INVEJA
A. Descontrolado desejo de ganho material. Êxodo 20:17
Nas civilizações antigas uma prática comum entre os homens era matar o seu vizinho afim de possuir algo que pertencia à vítima. Isto poderia ser o gado, a riqueza, e provavelmente a mulher do outro homem. A falta de realização material e carnal levava-os a inveja contra os outros. O mesmo tem acontecido em nossa sociedade consumista e materialista.

B. Sentimentos de insegurança e inferioridade. I Samuel 18:7-8. “As mulheres se alegravam e, cantando alternadamente, diziam: Saul feriu os seus milhares, porém Davi, os seus dez milhares. Então, Saul se indignou muito, pois estas palavras lhe desagradaram em extremo; e disse: Dez milhares deram elas a Davi, e a mim somente milhares; na verdade, que lhe falta, senão o reino?"
Saul se sentia inseguro e inferior quando viu que as pessoas receberam Davi como um herói. Davi ganhou graça aos olhos dos cidadãos que Saul não pode conquistar. Isto o intimidava tanto,  que a partir daquele dia ele tentou matar Davi.

C. A ganância por fama  
“Porque sabia que por inveja o haviam entregado" (Mateus 27:18). 
Jesus era um fariseu também. Ele era um mestre da lei. Mas ele era diferente do outros líderes judeus, Jesus falava com autoridade (Marcos 1:21-28) 
Multidões iam após Ele (Marcos 12:37). 
Jesus realizou milagres que os outros não fizeram. 
Pense! Você se sente inferior, quando você vê os outros mais abençoados do que você? Muitos cristãos estão perseguindo a fama.


O QUE A BÍBLIA NOS ACONSELHA QUANTO A ESTE SENTIMENTO
1.     Não ter inveja dos que praticam a maldade - Salmos 37:1Provérbios 23:17.
2.     A inveja é como um veneno. Provérbios 14:30.
Um coração cheio de graça e do amor de Deus alimenta a vida e o seu próprio corpo. Dá uma boa saúde e longa vida. Mas, o homem que inveja a felicidade e a prosperidade dos outros, é presa da sua própria alma, e não apenas desperdiça sua carne, mas enfraquece e consome as partes mais fortes de seu corpo, os seus ossos, são como uma "traça" dentro dele.
3. A inveja não é de Deus. Marcos 7:21-23. Nenhum cristão é um filho de Deus, se não está liberto da inveja. 
4. Onde há inveja não há amor. I Coríntios 13:4. 
Jesus ensinou que a lei se cumpre em sua totalidade, se amarmos o Senhor nosso Deus com todo nosso coração, toda a nossa força, e toda nossa mente. E amar ao nosso próximo como amamos a nós mesmos (Lucas 10:27). A Bíblia também diz que o amor não inveja. Como eu posso chamar a mim mesmo de filho de Deus, se eu invejo o meu próximo? A Bíblia nos diz para não seguir os seus caminhos - Provérbios 3:31, pois ela pode ser incontrolável - Provérbios 27:4,e traz confusão e toda espécie de coisas ruins - Tiago 3:16.
Ainda que seja um sentimento ruim e difícil de dominar, infelizmente habita dentro de cada um de nós e nos cabe dominá-lo, como qualquer outro sentimento. Entretanto, é sempre bom lembrarmos das palavras do apóstolo Paulo em Filipenses 2: “considerando os outros superiores a si mesmo.” Quando consideramos os outros, deixamos de pensar só em nós, temos menos inveja e somos duplamente abençoados.
"A inveja é um virus que se caracteriza pela ausência de sintomas aparentes. O ódio espuma, a gula engorda, a avareza acumula, o ódio brilha, a preguiça se derrama, a luxúria de oferece. Só a Inveja se esconde"

 - Tuenir Ventura

COMO SUPERAR?
A. Buscai primeiro o Reino e a justiça de Deus e Ele atenderá às suas necessidades.
B. Nossa segurança não deve derivar de nossos títulos e posições. Deus deve ser a fonte de nossa segurança.
C. Não se compare com os outros. Se alegre com o que você já tem.

Eis um dos sentimentos mais torpes e difíceis de serem eliminados da alma humana. Trata-se de um dos vícios que mais causa sofrimento à humanidade. Mas hoje Deus quer te tornar livre desse mal. Abra seu coração para Deus.

"Um estilo de vida que compete é cansativo, frustrante, infrutífero e te impede de desfrutar a alegria de ser você mesmo."
— Pra Helena Tannure

FONTES DE PESQUISA

https://gotquestions.org/Portugues/Biblia-inveja.html
http://ultimato.com.br/sites/estudos-biblicos/assunto/vida-crista/inveja/
https://www.respostas.com.br/o-que-deus-diz-sobre-a-inveja/
http://www.opregadorfiel.com.br/2010/10/o-que-biblia-diz-sobre-inveja.html

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lição 02 - Aliança Edênica e Aliança Adâmica

Lição 08 - Culpa, a Prisão da Mente

Lição 12 - Ciúme, o Cabo da Tormenta