Galera de Cristo 03 - A Visão Bíblica Sobre a Prática Homossexual

"Não se deite com um homem como quem se deita com uma mulher; é repugnante" - Levítico 18.22

O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRE RELACIONAMENTO ENTRE PESSOAS DO MESMO SEXO


A Bíblia nos diz de forma consistente que a atividade homossexual é pecado (Gênesis 19:1-13; Levítico 18:22; Romanos 1:26-27; I Coríntios 6:9). Romanos 1:26-27 ensina especificamente que a homossexualidade é resultado de negar e desobedecer a Deus. Quando a pessoa continua em pecado e incredulidade, a Bíblia nos diz que Deus “a abandona” a pecado ainda mais perverso e depravado para mostrar-lhe a futilidade e desesperança da vida longe de Deus. I Coríntios 6:9 proclama que os “transgressores” homossexuais não herdarão o reino de Deus. Deus não cria a pessoa com desejos homossexuais. A Bíblia nos diz que a pessoa se torna homossexual por causa do pecado (Romanos 1:24-27), e definitivamente por sua própria escolha. A pessoa pode nascer com grande tendência à homossexualidade, da mesma forma como algumas pessoas nascem com tendências à violência e outros pecados. Mas isto não é desculpa para escolher o pecado, cedendo aos próprios desejos pecaminosos. Se uma pessoa nasce com grande tendência à ira, isto faz com que seja certo que, então, ceda a esses desejos? Claro que não! O mesmo é verdade com relação à homossexualidade. Entretanto, a Bíblia não descreve a homossexualidade como um pecado “maior” do que qualquer outro. Todos os pecados são ofensivos a Deus. A homossexualidade é somente uma das muitas coisas enumeradas em I Coríntios 6:9-10, coisas que vão manter a pessoa afastada do reino de Deus. De acordo com a Bíblia, o perdão de Deus está disponível ao homossexual da mesma forma como está disponível a um adúltero, adorador de ídolos, assassino, ladrão, etc. Deus também promete força para conquistar a vitória sobre o pecado, incluindo homossexualidade, a todos quantos crerem em Jesus Cristo para salvação (I Coríntios 6:11; II Coríntios 5:17).


"E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou." (Génesis 1:27). Quando as pessoas dizem que qualquer tipo de relacionamento sexual é aceitável desde que ninguém seja prejudicado, e insistem em impor a sua aceitação à sociedade, enganam-se. A curto ou a longo prazo, o pecado fere indivíduos, famílias e até sociedades. Quando o amor que deveria ser dedicado a Deus é dedicado à criatura, a sua natureza distorce-se e acaba por destruir aquilo que afirma valorizar. A homossexualidade (atracção e prática sexual com pessoas do mesmo sexo) não é nada de novo! No tempo de Paulo, século 1, já era tão conhecida como hoje e havia muitas práticas pagãs a encoraja-la. Embora hoje, muitos a considerem aceitável (incluindo algumas igrejas), a homossexualidade é totalmente condenada e proibida nas Escrituras:


Deus exige que aprendamos a nos dominar para negar nossos desejos pecaminosos e para aceitar os limites que ele colocou ao nosso comportamento (2 Pedro 1:6; Gálatas 5:23). Este é o princípio que tem que ser aplicado aos desejos homossexuais que algumas pessoas sentem. Em vez de perder tempo e energia tentando justificar estes desejos na base da Genética, ou tentando pôr a culpa deles nas influências da infância, a pessoa que é tentada a ter relações sexuais com alguém do mesmo sexo precisa aprender a dominar seus desejos. Por quê? Porque Deus clara e absolutamente condenou as relações homossexuais.

PERGUNTAS COMUNS 


Jesus não pregava a tolerância? Então você não acha que os cristãos deveriam tolerar a homossexualidade?


Jesus não incentivou seus seguidores a aceitar todo e qualquer estilo de vida. Na realidade, ele ensinou que o caminho para a salvação está aberto para “todo aquele que nele exercer fé”. (Jo 3:16) Um modo de exercer fé em Jesus é seguir os princípios de moral de Deus, que proíbem certos tipos de conduta — incluindo a homossexualidade. — Rm 1:26, 27.


Não é dever dos cristãos tratar todas as pessoas com respeito, não importa a orientação sexual delas?



Claro que sim. A Bíblia diz: “Honrai a homens de toda sorte” (1 Pe 2:17) Assim, os cristãos não devem ser homofóbicos, ou seja, não devem odiar os homossexuais. Devemos são bondosos com todas as pessoas, incluindo os homossexuais. — Mt 7:12. Deus condena o pecado, mas ama o pecador.
 FONTES DE PESQUISA

 https://www.gotquestions.org/Portugues/homossexualidade-pecado.html
http://entendaapalavradedeus.blogs.sapo.pt/a-homossexualidade-na-biblia-57950

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lição 02 - Aliança Edênica e Aliança Adâmica

Lição 08 - Culpa, a Prisão da Mente

Lição 12 - Ciúme, o Cabo da Tormenta